Acessar versão desktop

MODA

ACESSÓRIO

BEAUTÉ

LIFESTYLE

BLOGS

MARGOT STREET

Perfil

22 / 05/ 2015

 

Viral que extrapolou as fronteiras do pensar? Provérbio latim livremente traduzido? Título de manual de seita macabra? Seja qual for a origem da dita-cuja, poucas expressões traduzem com tanta maestria a sina do nosso tempo: Não sou obrigada é bem mais que um meme. É um grito de guerra manifesto que dá voz à nossa indignação. Não importa se sua causa contempla a unha que quebrou quando você saiu do salão ou se diz respeito ao aumento da passagem de ônibus. Aqui, toda causa é legítima. Até porque você não é a obrigada ler os posts desse blog, a menos que queira rir da paródia cotidiana desta jornalista que mata um leão por dia, inspirando-se na própria vida (e por vezes na vida alheia) para redigir as crônicas da existência real. Além de jornalista multimídia, Bruna Schneider aventura-se como fotógrafa e não é obrigada a nada.

Contato: bruna@margotmagazine.com.br

Instagram

Comentários

0