Acessar versão desktop

MODA

ACESSÓRIO

BEAUTÉ

LIFESTYLE

BLOGS

MARGOT STREET

Vamos falar sobre Dudu Bertholini?

Instagram

20 / 04/ 2016 em: 

 Conexão MargotLifestyle ; By Ju Scchneider

A gente, aqui no Brasil, adora tudo que é da gringa, principalmente a moda. Exaltamos estilistas e marcas internacionais e, muitas vezes, esquecemos-nos de olhar para o que é daqui, para o que nós temos.

 

Não sou boa com datas, mas lembro que com quase 25 anos cheguei em São Paulo e caí de paraquedas no mundo do moda, levada pela pós-graduação em styling que escolhi cursar. Não conhecia muitas marcas, só mesmo as do mainstream. Mas como a moda foi paixão de cara comecei a pesquisar e conversar com pessoas do meio e que viviam aquilo. Foi aí que conheci a Neon.

Dudu Bertholini

Dudu Bertholine é conhecido como um dos maiores talentos da moda do Brasil. Além de designer também é stylist.

 

O que mais me encantou na marca, além das estampas, das cores e das modelagens, foi um de seus criadores, Dudu Bertholine. Aquele homem alto e magro de vanguarda me hipnotizou. A Neon, marca sua e de Rita Comparato virou minha referência de moda no Brasil. Alguns meses depois, já enturmada com algumas pessoas da área, consegui, através de uma amiga que fazia um estágio na marca de Dudu, o meu primeiro convite para assistir um desfile no São Paulo Fashion Week. Mas não foi só isso. Consegui assistir também o ensaio técnico com as modelos e o estilista, lá, dirigindo divinamente sua apresentação. Sonho. Com direito a ingresso para a festa pós-desfile. A Neon já acabou. Não lembro bem há quanto tempo. Foi uma das marcas engolida por esse mercado que vivemos. Triste.

Dudu Bertholini

Os desfiles da Neon sempre foram admirados por serem, também, performáticos. Dudu sempre dirigiu as modelos na passarela.

 

Mas voltando a falar de Dudu, algum tempo depois, tive duas aulas de styling com ele na pós. Imagino a minha cara assistindo. Dudu não cabe nas ideias dele. Ele está a anos luz de nós. Me ensinou a fazer pesquisa de referência com amor. Foram horas de aprendizado inesquecíveis. Mas não era o fim da minha história de admiração por esse criador. Passado mais um tempo eis que eu começo a trabalhar dentro da Neon. Consegui o tão cobiçado estágio, e lá, feliz, ajudava a despachar as roupas da marca para o Brasil inteiro. Lá vi o Dudu poucas vezes, e nunca tive a oportunidade de dizer a ele o quanto eu o admirava. Em muitas quintas-feiras dividimos a mesma festa, em um inferninho de São Paulo que se chamava A Torre. E eu, sempre olhava para ele e o que vinha a minha cabeça era admiração.

Dudu Bertholini

Dudu Bertholini e sua sócia na Neon, Rita Comparato.

 

Ele não deve lembrar-se de mim. Nunca consegui me aproximar dele, por timidez de minha parte. Sabe quando você vê um ídolo? Eu sentia isso toda a vez que o via. Agora o vejo na Rede Globo, arrasando, lindo, como jurado do programa Amor e Sexo. Hoje, esse texto nasceu porque ele continua me ensinando. Obrigada snpachat, Dudu Bertholini continua me dando aulas de história, falando de comportamento e mostrando um monte de coisa linda e de vanguarda. Quem não conhece ou não ligou o nome a pessoa, por favor, google it. Temos sim, gente de quem se orgulhar aqui na terrinha, neste universo fashion sempre tão internacional.

Dudu Bertholini

A Neon sempre se destacou por suas estampas, cores e os tão desejados e cobiçados kaftãns, carros-chefe da marca.

 

Fotos: Reprodução/Web



SEJA NOSSA AMIGA!

FAÇA O CADASTRO NA TUA REVISTA DIGITAL FAVORITA E FIQUE POR DENTRO DE TODAS AS NOVIDADES E SORTEIOS!


Instagram

Comentários

0

Comente

Você vai gostar também: