Acessar versão desktop

O que esperar da minha carreira?

Margotmagazine avaliações no TrustedCompany.com Instagram

02 / 07/ 2017 em: 

 Margot na TPMNão Sou Obrigada ; By Bruna Schneider

Sou daquele tipo de pessoa que tem pressa para tudo. Uma antiga colega de trabalho, com a qual dividi mesa há uns seis anos, dizia que eu tinha uma “alma mais velha”, algo próximo ao de uma mulher de 30 anos. Bom, na época eu tinha 18. Calculem. O fato é que tenho, com muita frequência, a sensação de que estou atrasada, de que o tempo está passando muito rápido e eu não estou onde eu deveria estar.

 

Vocês também se sentem assim?

 

Em alguns devaneios eu acabo me perguntando: quem eu quero ser em 10 anos? Digo no sentido profissional mesmo. Quero ser uma gerente de marketing digital? Quero ser uma editora de revista legal? Quero enriquecer após ganhar um Big Brother? Não sei. E às vezes bate um desespero em não saber e, consequentemente, em não haver um plano para chegar aonde quero.

 

Além da incerteza sobre o meu futuro profissional há também o fato de que o próprio mercado de trabalho está mudando. E muito rápido! Profissões que existiam há cinco anos hoje nem existem mais. Será que o nosso trabalho ainda existirá? E se ele existir, como será?

Eu sei. Este post tem mais perguntas que respostas. Até porque se eu soubesse como responder tudo isso, eu escreveria um livro e ganharia uma grana.

 

Mas algumas coisas eu já tenho feito a respeito. Por exemplo: estou na área de comunicação digital, que é onde eu amo estar. Tenho procurado ler alguns portais sobre o assunto e entender o que está sendo feito, utilizando isso para me inspirar não apenas agora, mas amanhã. A capacitação também é algo muito importante e aprender nunca é demais. Estão disponíveis alguns cursos muito bacanas, gratuitos, e que podem te tornar um profissional melhor e mais preparado para os desafios que o mercado de trabalho irá te proporcionar.

 

Além disso, trocar uma ideia com pessoas que estão há mais tempo que você no seu setor pode te ajudar a esclarecer algumas dúvidas. Afinal, você não é o primeiro nem o último a passar por isso.

Bom, vamos arregaçar as mangas e se preparar para o que vier? E se a gente não souber como será amanhã, vamos pelo menos ter a certeza de que estamos preparadas para tudo.

 

Leia também:

Passar um tempo sozinho é revigorante

Transformando casa em lar

Vivi como uma instagramer por alguns dias

 

Margotmagazine avaliações no TrustedCompany.com Instagram

Comentários

0

Comente

Você vai gostar também:

  • 5 dias de empoderamento na Semana da Mulher5 dias de empoderamento na Semana da Mulher A Semana da Mulher começa hoje. Afinal, assim como dietas e a maioria dos planos, tudo acaba começando na segunda-feira. Eu costumo ser meio avessa a essas comemorações […]
  • 5 lições para aprender com Girlboss, a nova série da Netflix5 lições para aprender com Girlboss, a nova série da Netflix Tirei o feriado de Tiradentes para fazer uma das coisas que mais amo: fortalecer meu relacionamento com a Netflix. Torci para um dia de muito frio e chuva para o […]
  • Vinte e poucos anosVinte e poucos anos Nunca fui daquele tipo de pessoa que se pega reclamando da crise de idade. E olha que reclamo bastante. Mas, de certa forma, sempre gostei de “envelhecer”. Não sei […]